No último domingo, 3 de setembro, teve Corrida Venus aqui em São Paulo e essa edição foi especial. Afinal, a prova está completando 10 anos! UAU! :O Ao longo dessa década de história, mais de 150 mil atletas já participaram da Venus – que é uma das maiores provas femininas do mundo, sabiam?

Aproveitando que toda essa mulherada linda estaria reunida, a Fundación MAPFRE montou um stand na arena da Venus para promover a campanha Mulheres Pelo Coração e nós também participamos da prova divulgando essa ação superbacana e importante!

A Aline correu os 15k e eu fiz 5k

No sábado, as corredoras que foram retirar seu kit no Jockey recebram o guia Pela Saúde do Coração, preparado especialmente para a campanha, e ainda puderam testar seus batimentos cardíacos em uma divertida volta de montanha russa virtual.

Eu nunca tinha usado um óculos de realidade virtual antes e adorei que você pode girar a cabeça para todos os lados e ter uma visão 360 graus do ambiente. Deu até para tomar um sustinho – as meninas ainda registraram em vídeo esse meu momento “pagando mico”, só para variar, hahahaha… 😛

A prova teve largadas separadas para quem correu os 5k (como eu) e para quem fez 10k ou 15k (como a Aline). A largada dos 5k foi às 7h e das demais distâncias às 7h30. Foi bom porque dividiu bem os grupos e a prova foi bem mais tranquila e organizada do que eu esperava. A única questão é se não teria sido melhor fazer ao contrário: largar primeiro as distâncias maiores e deixar os 5k para as 7h30 da manhã.

Outra vantagem das largadas separadas, além de ter uma corrida menos lotada, é que consegui aproveitar bastante a arena no pós-prova. Foi a primeira vez na vida que consegui fazer massagem, quiropraxia… Também aproveitei o alongamento no stand da Fundación MAPFRE depois de correr. As filas costumam ser tão grandes que eu nunca me animei, mas dessa vez não só fiz como ainda consegui terminar a tempo de torcer pela Li no final da prova dela. 😀

Olha que linda a chegada dela nos 15k (a doida gritando no fundo sou eu, claro! rsrs)

A Li também comenta como foi correr os 15k na Venus deste ano:

Nessa edição da Vênus, corri 15k. Durante o percurso, a hidratação foi boa: tinha isotônico, gel de carboidrato e bala energética – porém, com 1h30 de prova, que foi mais ou menos quando passei pelo ponto das balas, já não tinha mais nada. Até o km 10, a corrida fluiu bem para mim; depois comecei a me sentir cansada e o psicológico afetou muito. O percurso não teve novidades em relação ao ano passado, e a única coisa que achei chata e cansativa foram as idas e vindas em frente ao Parque Villa Lobos. Mas, no geral, a corrida foi boa e é sempre bom encontrar a mulherada por lá!


Para encerrar, queria destacar um pequeno mimo da organização da prova que eu sempre aprovo: medalhas diferentes para quem correu cada uma das distâncias. É um jeito divertido de estimular a corrermos distâncias maiores e também de valorizar cada conquista, né? Vocês gostam?

De modo geral, concordo com a Li: foi uma experiência muito boa. Obrigada, Fundación MAPFRE, pelo convite!

No último domingo, aconteceu aqui em São Paulo a Tricolor Run, primeira corrida de rua oficial da Under Armour no Brasil, realizada em parceira com o São Paulo Futebol Clube. Como boa são-paulina, não podia deixar de prestigiar esse evento, né? 😉

A medalha não poderia ser diferente! (Divulgação/Under Armour)

Além de poder usar as cores do meu time do coração e ter essa medalha lindaaaaaa com o símbolo do SPFC, a prova teve outras atrações para os corredores: tanto a largada como a chegada foram dentro do Estádio do Morumbi, na pista de atletismo que fica em torno do campo de futebol. E os percursos, de 5 km e 10 km, passavam pelas ruas do bairro, um local onde não se costuma ter provas aqui em São Paulo. Por incrível que pareça, apesar de estarmos na maior cidade do país, a maioria das provas segue os mesmos trajetos e ter a chance de correr em um lugar diferente sempre faz meus olhinhos brilharem! 😀

Toda a prova foi cercada de muita expectativa! As 3 mil vagas esgotaram rapidinho e vários treinos de aquecimento exclusivos para os inscritos deram um clima especial para a prova, sem falar em um desafio virtual mensal para mantet todo mundo animado e focado nos treinos. E os corredores também podiam escolher a cor da camiseta: branca, preta ou vermelha. Demais, né?!

Pódio feminino nos 10 km: 1ª Giovana Costa Martins; 2ª Detlei Hasse; 3ª Vanessa Ferreira Moura (Divulgação/Under Armour)

E a mulherada que liderou os 5 km: 1ª Marilene de Jesus Ferreira; 2ª Juliana Pereira de Souza; 3ª Ana Paula Moretti (Divulgação/Under Armour)

Como a prova teve poucos participantes em comparação com os grandes circuitos de corrida que temos por aqui, e as largadas foram separadas para os 10 km e os 5 km (com 10 minutos de intervalo entre elas), a prova começou bem tranquila para mim. Até que a pista de atletismo deu afunilada e eu acabei ficando entre a pista e a grama, que estava um pouco molhada, e… escorreguei! Hahahaha… Não foi nada grave, levantei rapidinho e continuei correndo como se nada tivesse acontecido, mas foi a primeira vez que eu caí em uma prova, então tinha que registrar aqui, hahahaha… 😛 Para tudo na vida tem uma primeira vez, né?

Micos à parte, rs, o percurso foi um pouco complicado porque a CET não liberou o fechamento completo das ruas e tivemos que dividir parte do espaço com os carros. Isso fez com que o espaço para os corredores ficasse um pouco estreito e, especialmente na segunda volta do pessoal dos 10k, deu uma tumultuada. Como eu estava correndo 5k e não estava preocupada com tempo, nem nada, não me incomodei, mas acho que para quem estava com um objetivo de performance ou correndo no percurso maior, deve ter sido um pouco irritante.

Bem lá no final do percurso, tinha uma descida deliciosa e não poderia terminar melhor: dentro do estádio do Morumbi. Esse finalzinho, para mim, compensou todos os perrengues e as subidonas do bairro do Morumbi! Hahahaha… Com certeza, faria a prova de novo, especialmente porque a temática foi puro amor, hahahaha… 😉

E você, correu essa prova? O que achou? Conta pra gente nos comentários!

12