Um tempo atrás, contei aqui no blog o que achei do Veg Protein, o suplemento proteico vegano da Sanavita. Hoje vou falar para vocês um pouco mais sobre o Balance Protein, que é um suplemento feito a base do whey protein tradicional (proteína do soro de leite) e que testei nas duas versões: para atletas de ambos os sexos e na fórmula adaptada especialmente para as mulheres.

Esse produto não é novo no mercado, mas como é bastante conhecido entre a mulherada, achei que valia a pena falar um pouco mais sobre ele para vocês!

Nos dois casos, eu provei os suplementos no sabor baunilha, e achei o gosto bem suave. Em termos de sabor, é um dos mais neutros que já provei, por isso se você curte fazer receitas com whey, esse da Sanavita é uma ótima opção para combinar com frutas, por exemplo. Além do de baunilha, a versão para mulheres também tem no sabor chocolate. (Não provei, mas já vi relatos de que ele é mais doce. Se você já tomou, conta pra gente o que achou nos comentários!)

Se no sabor eles são bem parecidos, na fórmula há diferenças entre as duas versões. Afinal, o Balance Protein não é apenas whey protein, mas um blend proteico que combina diversos compostos. Além de dois tipos de whey (isolado e concentrado), a versão para mulheres (embalagem lilás) traz isolado proteico de soja rico que é em proteínas e isoflavonas, substâncias que agem no crescimento muscular e têm ação antioxidante e reguladora da função hormonal, aliviando sintomas da TPM e da menopausa. Também vem com Osteomix, um complexo de cálcio e vitamina D que atende 50% das necessidades diárias das mulheres em apenas uma porção, além de colágeno hidrolisado, que ajuda na firmeza da pele.

Já a versão para “homens” (embalagem azul-marinho – que, na verdade, é unissex) vem com três tipos de whey (isolado, hidrolisado e concentrado) e também creatina, o que favorece a retenção de nitrogênio e auxilia no crescimento muscular, albumina, colágeno e o Mix Antiox, um complexo antioxidante com vitamina C, selênio e zinco.

Outra diferença é o tamanho da dose e a quantidade de proteína disponível: na versão feminina (sabor baunilha), são 24 gramas de proteína e 3,3 gramas de carboidrato por 30 gramas do produto. Na unissex, são 32,6 gramas de proteína e 2,6 gramas de carboidrato por 40 gramas de produto.

Ambas as versões têm baixa caloria (108 kcal a dose na versão para mulheres sabor baunilha; 149 kcal a dose da versão unissex) e não contêm glúten ou lactose. O preço fica em torno dos 80 reais pela lata de 400 gramas. Não é muito barato, mas se você pensar que ele é um suplemento não só de proteína, mas também de outros compostos que auxiliam nessa recuperação pós-treino, acaba compensando.

A sugestão de consumo é uma dose 30 minutos após o exercício físico, mas é importante você conversar com um nutricionista para ver qual o melhor momento para tomar o whey na sua rotina, de acordo com as atividades que você pratica e os seus objetivos. 😉

Você já provou esse produto? O que achou? Divida suas impressões com a gente nos comentários do post!

veg-protein-2

Ainda sou nova no mundo da suplementação e, assim que a nutróloga colocou o whey na minha dieta, fiquei meio preocupada se daria certo para mim. Não sou intolerante à lactose, mas nem sempre “cai bem” quando tomo leite ou consumo muitos alimentos derivados de leite no mesmo dia. Sabe quando você fica “conversando” com a comida por algumas horas? Então!

Como eu nunca tinha feito consumo regular de whey, não sabia como seria a reação do meu organismo. Por isso, de cara busquei uma opção sem lactose para poder alternar com a tradicional. Na mesma época, a Sanavita lançou seu novo suplemento 100% vegetal, o Veg Protein. Lógico que fui testar, né? 😉

Além dos intolerantes* a lactose, o Veg Protein tem como foco os veganos e vegetarianos. Sua composição não traz nenhum ingrediente de origem animal e combina ervilha, arroz e linhaça (fonte de ômega 3) com um complexo de vitaminas e minerais desenvolvido especialmente para atender as necessidades específicas desse público, como cálcio, vitamina B12, ferro, zinco e vitamina C. Ah, também é livre de glúten.

* Na embalagem, vem um aviso aos alérgicos de que o produto pode conter derivados de soja, leite de vaca e ovo devido ao compartilhamento de equipamentos. A empresa, contudo, adota medidas rigorosas de controle e limpeza para evitar essa ocorrência.

veg-protein

Segundo a marca, são 22 gramas de proteína e 1,4 gramas de carboidrato por dose, e cada porção tem 123 kcal.

Apesar de precisar de mais água para preparar que o whey tradicional (300 ml), o Veg Protein dissolve rápido. A consistência é um pouco mais grossa que a dos suplementos tradicionais, mas ele tem uma textura agradável no paladar. Lembra um leite vegetal um pouco mais cremoso.

Quanto ao sabor, é bem neutro. Por ser adoçado com stévia, ele é um pouco adocicado sim, mas na medida certa. Não achei enjoado, nem sem graça, achei gostosinho. 🙂 Também é uma boa opção para quem curte usar o suplemento de proteína misturado com frutas, fazendo smoothies e shakes, ou mesmo em outras receitas de bolos e pães.

De modo geral, eu gostei bastante do produto e tem funcionado bem para mim alternar o whey tradicional com essa opção vegana.

E você, já usou esse produto? Conte o que você achou nos comentários!

Veg Protein Sanavita
Embalagem: 480 gramas (15 porções)
Preço sugerido: R$ 135,80
Compre online: Sanavita (Loja Oficial)

 

post_presente

1