Você sabia que as doenças cardiovasculares estão no topo da lista das principais causas de morte em todo o planeta? Pois é, no mundo, elas são responsáveis por mais de 17 milhões de vítimas fatais todos os anos. DEZESSETE MILHÕES! :O

Infelizmente, desde 2013 os casos passaram a aumentar na população feminina. 🙁 Segundo o DATASUS (Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde), no Brasil, somente as doenças isquêmicas do coração – aquelas que diminuem o fluxo sanguíneo para o músculo cardíaco – estão associadas a 36% das mortes entre as brasileiras, superando até mesmo a soma dos índices de mortalidade dos tumores de mama e de útero.

Mulherada, é muita coisa, né? Temos que cuidar do nosso coração, um dos órgãos mais importantes do nosso corpo. Cuidando dele você contribuirá para que você viva mais e melhor.

O assunto é tão importante que no dia 14 de agosto, Dia do Cardiologista, a Fundación MAPFRE (uma instituição sem fins lucrativos, com sede na Espanha e atuação em 29 países) lançou a campanha Mulheres pelo Coração para informar e orientar o público feminino sobre os riscos e incentivar mudanças.

Uma das formas de se evitar as doenças cardiovasculares é mudando os hábitos: parando de fumar, praticando atividades físicas e se alimentando saudavelmente. Isso tudo auxiliará a diminuir a obesidade, o sedentarismo, o aumento do colesterol, a hipertensão arterial e a diabetes… que são, juntas com o tabagismo, os fatores de risco.

Aqui no Corre Mulherada, sempre incentivamos vocês a buscar o seu melhor e ter uma vida mais saudável. Por isso, estamos participando da campanha e convidamos a todas para mexer o corpo com a gente e jogar pra bem longe qualquer risco que a gente possa ter de desenvolver alguma doença que afete nosso coração. <3

Abaixo está a programação da campanha, que conta com aulas, corrida e outras ações para nos ajudar a ficar com nosso coração saudável.

27/08 Todas no mesmo ritmo! Venha dançar zumba conosco!

Vamos dançar, nos divertir e afastar os riscos de doenças cardiovasculares.
Onde: vão do Center 3, na Av. Paulista, 2064 – Cerqueira César

 02 e 03/09 Corram, mulheres, corram! Estaremos na tenda da Fundación MAPFRE durante a Corrida Vênus, passem por lá pra gente bater um papo. 😉

A campanha vai atrás das atletas para fazer a saúde do coração chegar em 1º lugar.
Onde: Jockey Club – Av. Lineu de Paula Machado, 1263 – Cidade Jardim – SP

 29 e 30/09 Saúde no prato!

Na sexta-feira e no sábado, as mulheres que passarem pela Estação Tatuapé do metrô paulistano (entre os shoppings Boulevard e Tatuapé) terão acesso a orientações nutricionais gratuitas. Procure o stand, participe e ganhe um brinde!

 11 a 23/10 Olha a saúde!

A campanha estará presente em algumas feiras livres de São Paulo. Os alimentos mais indicados para a mulherada fortalecer o coração estarão indicados. Acompanhem os endereços abaixo e compareçam:

Zona Norte: Rua Afredo Mario Pizzoti, 370 – Vila Guilherme
(Terças feiras);
Zona Sul: Av. Bem-te-vi, 104 – Moema
(Quintas feiras);
Zona Leste: Rua André Vidal, 22 – Tatuapé
(Terças feiras);

Se você não for de São Paulo, acesse o site da campanha e confira todo o material que a Fundación MAPFRE preparou sobre o assunto. Eles capricharam e tem vídeos e também um guia incrível sobre o assunto (gratuito, só clicar, baixar e ler) com muitas dicas, receitas e matérias bem bacanas sobre saúde!

Vamos cuidar da nossa saúde e do nosso coração para vivermos muitas coisas ótimas na corrida e fora dela. 😉 Bora com a gente?

Olá meninas!

Chegamos ao final da nossa primeira corrida virtual e como parte da participação, todas as corredoras contribuíram com um coletivo que a gente adora, o MariaLab. Em todos os nossos aniversários, a gente sempre buscou contribuir com algum projeto, nos 3 primeiros aniversários juntamos muitas doações para o Projeto Vida Corrida e também para a biblioteca do Parque do Povo (parque que sempre acolheu nossos treinos comemorativos). Este ano decidimos mudar, eu, Aline e Ju trabalhamos na área de tecnologia, e a primeira coisa que se nota em qualquer lugar que há um departamento de tecnologia, ou um curso na área, é que o ambiente é dominado pelos homens. Para democratizar, o coletivo MariaLab foi criado e vem fazendo um trabalho muito legal, e por isso pensamos em contribuir. 🙂

O que é MariaLab?

MariaLab é um coletivo que surgiu de uma ideia: a grande maioria dos hackerspaces e makerspaces no Brasil e no mundo, embora sejam receptivos com as mulheres, não só têm uma maioria de frequentadores masculina como, por conta disso, acabam por deixar de lado algumas características e necessidades compartilhadas pela maioria das mulheres na área de STEM. Sentimos a necessidade de ter um espaço criado por mulheres, onde não somos minoria, e somos as protagonistas.

O Manifesto

Somos feministas interessadas em explorar as ciências exatas. Pautamos a interseccionalidade nas nossas ações, não toleramos machismo, homofobia, transfobia, misoginia, xenofobia e racismo.

Nosso objetivo é encorajar, empoderar e unir mulheres através do interesse pela cultura hacker.

Consideramos necessário criar espaços seguros para que possamos compartilhar, aprender, inventar e experimentar através da atuação e autonomia de mulheres na área.

Nos baseamos em políticas anti-opressão para tornar esses espaços, sejam eles físicos ou virtuais, em ambientes politizados e realmente inclusivos.

Aqui a voz e o protagonismo pertencem a diversidade.

Por que MariaLab?

Maria é um nome extremamente comum não só no Brasil quanto no mundo. Somos todas um pouco Maria.  Maria Meyer, Maria Mitchell, Maria Gaetana Agnesi, Marie Curie, todas Marias que são exemplos para cada mulher. E “Lab” vem de laboratório, de local para aprendizado e experiências e descobertas.


Para conhecer mais do projeto, acesse o site e também acompanhe nas redes sociais: twitter e facebook.
Elas estão sempre divulgando cursos e oficinas para a mulherada.


E fica aqui o nosso muito obrigada a todas as corredoras que participaram do #4AnosCM com a gente. <3 Todos os anos foram especiais, mas este aniversário foi in-crí-vel. Foi maravilhoso esses meses acompanhando os treinos, as corridas e tudo o mais, mas logo logo tem um post só sobre isso, tô adiantando porque não tô me aguentando de felicidade, rs. 😉

12