Runners take off from the starting line for the Little Compton Road Race at the United Congregational Church Fair in Little Compton, Saturday. Photo by Bill Murphy.

Quem aqui gosta de largar lá na frente?

Um tempo atrás, fui convidada para participar de uma corrida por um dos principais patrocinadores da prova e a empresa, muito gentil, me colocou na “área vip” da largada. Sabe aquela primeira baia, coladinho com os corredores de elite? Então! Como só descobri na hora que poderia largar na frente, nem raciocinei muito e simplesmente fui para onde me indicaram. Aí, muita gente pode pensar: que ótimo, largar entre os primeiros e não ter que ficar ultrapassando as pessoas, lidar com paredões, só você e a pista…. Certo?

Errado!!!

Acontece que eu ainda tô longe de correr no pace “top da balada” rs… E sair com o primeiro grupo, cercada por pessoas que correm bem mais rápido do que eu, mais me atrapalhou do que me ajudou.

Primeiro porque, inconscientemente, comecei correndo mais rápido do que estou acostumada, empolgada pelo pelotão. Só que eu não consegui manter esse ritmo por muito tempo e, alguns quilômetros depois, precisei diminuir a velocidade. E olha, não foi diminuir drasticamente; foi simplesmente correr no ritmo a que estou acostumada.

Foi então que veio a surpresa: ao invés de me sentir confortável correndo no meu pace, comecei a me sentir pesada, cansada e lenta. Terrivelmente lenta! Parecia que eu estava me arrastando pela prova… E eu sabia que não estava lenta, estava no meu normal. Demorou um pouco para que a coisa toda encaixasse e fluísse.

Aqui em São Paulo, tem sido cada vez mais comum as provas dividirem os corredores em grupos por pace. Em alguns casos, o ponto em que você vai largar é definido pelo seu desempenho em provas anteriores da mesma organizadora; em outros, é calculado com base no que o próprio corredor informa no momento da inscrição. E tem um bom motivo para isso: quando feita em ondas, a largada fica, de fato, mais organizada. Com menos ultrapassagens, menos risco de alguém se lesionar, esbarrar ou mesmo derrubar outro corredor. No fim, todos correm melhor. Mesmo assim, cansei de ver pessoas reclamando por terem de largar mais atrás e cobiçando sair lá na frente, quando não tentam invadir o outro curral.

Se a minha experiência servir de alguma coisa, rs, recomendo que você avalie bem antes de fazer isso. Por mais tentador que seja largar entre os “vips”, acredite: não tem nada pior que sentir que você está correndo mal quando você está correndo no seu normal.

Como eu já tinha feito o mesmo percurso outras vezes, pude comparar meu desempenho e meu tempo baixou em relação às provas anteriores. O que é ótimo! Mas a verdade é que não foi uma corrida gostosa. Pelo contrário, foi uma corrida meio sofrida e nem o fato de eu ter melhorado meu tempo ajudou a tirar essa sensação.

Logo que saí da prova, conversei com meu treinador – o Eduardo Barbosa, da 4any1 Assessoria Esportiva – e ele não se surpreendeu nem um pouquinho com meu relato. Na verdade, disse que cometi um erro bastante comum entre os corredores. O puxão de orelha (no bom sentido!) veio na hora pelo WhatsApp: “Mesmo como convidada, você deveria ter ido no seu pace normal. Devemos sempre respeitar nosso ritmo”.

Lição aprendida! 😉

post_parceiros_4any1_2015

Olá mulherada! 🙂

Tava super ansiosa pra contar T-U-D-O sobre o Desafio do Dunga. Escrevi tanto que tive que separar o texto em mais posts, então neste primeiro vou dar dicas de como se inscrever, vou dar uma dica importante sobre a largada, vou falar sobre a retirada do kit e a primeira prova do desafio. 🙂 Vem comigo!

Em abril eu contei aqui sobre os desafios de corrida que a Disney organiza, já tinha decidido fazer o Desafio do Dunga desde dezembro de 2014, mas preferi só comentar depois que eu tivesse garantido a inscrição. Todas as inscrições para desafios na Disney acabam rapidinho, então tem que ficar esperta com a data da abertura das inscrições e também com a hora. Eles são pontuais, na hora combinada estão lá as inscrições abertas e ai tem que correr pra garantir a sua. 🙂 As inscrições dos desafios acabam normalmente na primeira semana, algumas acabam no mesmo dia. Então, se você quer correr um desafio, antes da inscrição já se organize pra ter certeza que irá na data para a Disney. Não dá pra comprar na hora.

As próximas datas. (eu atualizo isso aqui todo ano, rs) <3

Decidiu se inscrever? Adiante sua inscrição! Entre no site www.active.com e já faça seu cadastro. No dia que abrir as inscrições, entre antes no site e já faça o login. Assim você ganhará tempo, pois só precisará se preocupar em preencher os dados da inscrição da prova e não seus dados pessoais. 😉 O link para se inscrever estará na página da Run Disney, site oficial das corridas na Disney, mas todo o processo de inscrição é no site da Active.

Em abril de 2015 abriram as inscrições pro Desafio do Dunga e cinco minutos depois eu já tinha garantido minha participação. <3 Para a maioria das pessoas e aqui no blog, eu só contei que ia fazer a maratona, mas porque eu queria surpreender quem não esperava por isso, rs. E foi bem divertido guardar o segredo. 😛

No começo eu iria com toda a família pra Disney, mas com o aumento *abusivo* do dólar, todos optaram por ir em outro ano, mas meu marido me deu a maior força pra ir sozinha e correr por lá! 🙂 Então me juntei com uma galera que iria pra lá pra correr também e nos organizamos para não gastar muito na empreitada. 😀 Dividi uma casa grande com mais 7 pessoas, alugamos carro e fizemos compras juntos. A viagem foi bem econômica e absurdamente divertida! 🙂

galera-da-casa-corrida-disney-animacao-diversao-amigos

Adriele, Farida, Werneck e eu! Quarteto fantástico, rsrsrs. 😛 Uma parte da turma da casa. Na foto do meio temos um intruso, o Jhon, rs. 😛 A gente se divertiu bem pouco juntos. #sqn

Quem vai fazer o Desafio do Dunga deve retirar o kit no primeiro dia da EXPO, na quarta-feira. 🙂 Na quarta fomos logo cedo pro complexo da ESPN Sports. Há placas em todos os lugares, tudo é muito bem organizado, com pessoas te mostrando o caminho e te parabenizando por correr, e qualquer dúvida você sempre acha muitos voluntários pra ajudar.

espn-retirada-do-kit-corrida-disney-desafio-dunga

Chegada na ESPN Sports. Há sinalização em todos os lugares, difícil se perder.

Primeiro você retira o seu número com chip (quem fazia o Desafio do Dunga recebia dois, um para os 5k e 10k, e outro para os 21k e 42k), o manual da corrida (que dias antes da prova também fica disponível no site da Run Disney) e um número adesivo (o mesmo do de peito) para você colar na sacola para o guarda-volumes. No caso do Desafio após retirar o número, você também é fotografado com o número de peito (no final do desafio eles irão fazer um “cara-crachá” pra ter certeza que foi você que correu todas as provas). E depois que retirou o número, você vai até uma outra área para retirar as camisetas. Junto com as camisetas eles já te entregam a sacola plástica que você deverá usar toda vez que precisar do guarda-volumes. No número adesivo você irá notar que tem uma letra, essa letra é a do seu sobrenome, e indica o guarda-volumes que você deve deixar sua bolsa.

Se você ver que a camiseta ficou grande ou pequena, você pode ir em outro lugar e trocar todas pelo número correto. 😉

espn-retirada-do-kit-2-corrida-disney-desafio-dunga

Retirada do número de peito com chip e manual da prova, tem sempre esses balcões enfileirados para cada corrida e desafio, é só encontrar o seu e procurar a numeração do seu número de peito. Os voluntários são muito educados e solícitos, a maioria fala espanhol também. 😉 E na foto ao lado, onde retira as camisetas dos desafios, é só ir na fila do seu desafio e na numeração que você escolheu na hora de se inscrever. Se a camiseta ficar pequena ou grande você pode ir em outro local trocar, eles não trocam na mesma área que você pega as camisetas. 😉

Após retirar seu kit, você entra numa parte da EXPO que vende apenas produtos da Disney relacionados com a corrida. Se você quer muito algo, compre no primeiro dia, principalmente os souvenires do desafio e camisetas em tamanho menores (P e PP). Me arrependi de não comprar um pin, procurei nos outros dias e já tinha esgotado (apenas o do Desafio do Dunga, os outros tinham aos montes). Como as camisetas do kit são manga longa, comprei duas mangas curtas para paquitar depois, rs. Você também encontrará um stand com produtos Disney sempre no dia da corrida, na área de concentração, só que ao invés de vender tudo de todas as corridas, venderá apenas os itens da corrida do dia. 😉

espn-retirada-do-kit-EXPO-corrida-disney-desafio-dunga

Muitas marcas = muita gente. 🙂

Depois desse stand, nos direcionam para outro área maior, com stands de diversas marcas. Daí é hora de esconder o cartão, porque tem tanta coisa legal que dá vontade de levar tudo, rs. Mas vale muito a pena comprar os tênis que são edição limitada da corrida, da New Balance, se você se apaixonar por eles (aqui não rolou química, eu não curti, rs) e também suplementos. Mas você encontra de tudo para corredores: adesivos, quadros especiais, roupas, acessórios, suplementos, jóias, cosméticos, produtos inovadores (como um bastão que faz o mesmo que o nosso tão conhecido rolinho) e ainda tem diversos stands para você interagir e tirar fotos, gravar vídeos. Vale a pena ficar bastante tempo nesta parte e conhecer tudo. 😉 Se você quer comprar produtos de corrida, vale a pena ir já com a média de preços pra lá e ver o que vale a pena comprar, notei que havia muitas coisas bem em conta (suplementos) e outras estavam mais caras (meias de compressão e cosméticos, por exemplo). 🙂

pessoal-loucos-na-disney-2016-corrida

Galera linda e animada reunida, nós nos encontrávamos em todos os lugares. Só isso já era a maior diversão! <3 Daí ainda tinha corrida… perfeito! #saudades

Neste dia conseguimos reunir uma galera imensa que tinha ido do Brasil pra correr lá na Disney e não faltaram fotos e diversão. é uma delícia correr, mas é ainda mais gostoso quando vamos com os amigos, não é? A magia começou bem antes da primeira passada por conta disso. <3

Depois da retirada do kit e de muitas fotos, fomos almoçar com o Fredison Costa (atual campeão da maratona da Disney) e ele ainda nos ajudou a escolher tênis da New Balance para corrermos. 🙂 Foi sensacional, algo que eu nunca imaginaria que aconteceria nessa minha viagem! Fredison é mega humilde, prestativo e corre muito.

Depois de fazer algumas compras, fomos pra casa para já nos prepararmos pra correr no dia seguinte.

desafio-do-dunga-retirada-kit

Kit retirado, no dia seguinte começaria a brincadeira! 🙂 Seguuuuura a ansiedade!

No dia seguinte, dia 6, acordamos às 4h e saímos da casa (que ficava na região de Lake Buena Vista) às 4h30, em menos de 15 minutos chegamos no Epcot, local da largada da Family Run (5 km). A largada era às 6h (nos outros dias a largada era 5h30). Neste primeiro dia é só colocar o endereço do Epcot no GPS/Waze e ir pro parque, não há ruas interditadas pelo caminho já que a corrida inteira é dentro do parque.

Estacionamos e fomos em direção à multidão, nessa hora há duas filas, uma para quem não tem bolsa (esquerda) e outra para a verificação das bolsas (direita). Os voluntários avisam e é tudo bem organizado e rápido. De lá fomos para o guarda-volumes (que fica bem visível, umas tendas brancas enormes que ocupam uma boa parte da arena). Daí esperamos a galera que ia correr 5 km se reunir, tiramos fotos e fomos para os currais.

Lá na Disney, eles separam as largadas por currais. Antes da prova, até cerca de três meses antes, você pode acessar o site da Run Disney (eles disponibilizam um link específico para isso) e enviar seu melhor tempo (Proof of Time) para largar antes. Quem fará o Desafio do Dunga pode enviar o melhor tempo de uma meia-maratona. Se você não enviar, você é colocado aleatoriamente nos currais, e pode ficar bastante tempo esperando pra começar a correr. E o que eu acho pior, vai pegar MUITO trânsito durante o percurso. Quanto mais pra trás você larga, mais pessoas terá que ultrapassar se você corre bem, pois todas as provas são cheias (principalmente a meia-maratona e a maratona).

pre-pa-ra-roupa-corrida-disney-fantasia-desafio-do-dunga-numero-de-peito

Pre-pa-ra! E olha o número de peito, para os 5 km e os 10 km era o número de peito laranja. A letrinha no canto superior esquerdo é a letra do curral. 😉 Para quem quiser saber mais sobre o que eu uso pra correr: tem resenha do top Authen, do relógio Garmin, do cinto da Rudel (inclusive, vendemos na nossa lojinha) e da bermuda da Fila.

As largadas são assim: a cada 5 minutos nos 5 km e 10 km e a cada 3 minutos na meia-maratona e maratona. Sendo que na meia, eles juntam dois currais, nas outras é um curral por vez. A cada largada é um show com fogos de artifício e um painel luminoso com o personagem da corrida dando a largada. 🙂

Na primeira prova eu estava no curral A, mas fui no B com a galera. O dia estava frio, mas eu fiquei bem tranquila mesmo de camiseta e shorts curto com uma sainha por cima. Era um frio bem suportável (14º). Eu quis fazer todas as provas com alguma fantasia, mas todas eram fantasias da personagem na versão corredora, rs. As roupas todas eram de correr, mas nas cores da personagem. 😛 Primeiro dia fui de Sininho, personagem que eu amo.

correndo-5km-family-run-disney-desafio-dunga-fantasia-sininho-branca-de-neve

Eu de Sininho e Kaka, minha “parça” nas corridas da Disney, de Branca de neve. <3

Comecei a corrida com uma turma, daí eu e Kaka nos empolgamos e fizemos boa parte só nós duas, mas num ritmo bem de boa, parando pra tirar foto, rs. 😛 O percurso era bem tranquilo, começamos no estacionamento, entramos no Epcot (segura a emoçãoooo) e antes de nos aquecermos, já estávamos cruzando a linha de chegada, rs. Passou muito rápido e a corrida foi toda no escuro. O percurso pega quase todo o Epcot, inclusive os bastidores. Há personagens, mas como a maioria das pessoas estão ali apenas para se divertir, as filas para tirar fotos com personagens eram imensas. Há postos com isotônico, e logo na sequência sempre há água e posto médico. Tudo muuuito bem organizado e com muitos torcedores. Correr na Disney é realmente mágico.

Depois de passar pela linha da chegada, você é recebido pelos voluntários e recebe sua medalha. <3 Esse foi um momento muito mágico pra mim, eu me emocionei demais, pois foi a hora que a ficha caiu… eu estava ali, na Disney, realizando meu maior sonho de corrida! O Desafio do Dunga tinha começado e eu me sentia super bem. 🙂 Fiquei ansiosa para correr os outros dias.

Nessa área pós-corrida eles oferecem água, isotônico e neste dia também estavam dando cobertores térmicos (aqueles plásticos) por que estava bem frio. Você tira foto com sua medalha (tudo mega organizado, tem uma mesinha para você colocar suas coisas!) e ai pega um kit com lanche (sempre o mesmo para todas as corridas) e banana. Só aí você sai da área da corrida e volta para a área dos guarda-volumes. 🙂 Nesta área depois da corrida há sempre personagens e painéis para você tirar foto, no primeiro dia a empolgação era tanta que nem notei que tinha o Dunga e o Pluto para tirar fotos, rsrsrs. 😛 Mas compensei nos outros dias.

medalha-desafio-do-dunga-5km-pluto-corrida-disney

Kaka (Branca de Neve), eu (Sininho) e Farida (Alice) com nossas medalhas!

Depois dessa corrida, voltamos rapidinho pra casa, tomamos banho e partimos para os parques da Universal, para curtir o dia num parque antes de chegar as provas que exigiriam mais do corpo. 🙂 Por que eu amo a Disney, mas também amo Harry Potter e os heróis da Marvel, rs.

Nesta sexta-feira conto mais sobre o Desafio do Dunga para vocês! 🙂

1