Olá mulherada!

Vocês sabem que eu amo um desafio, e depois de maratona, desafio do Dunga, quero muito completar uma ultramaratona. Então fui atrás de ler muitos livros de ultramaratonistas. O primeiro que caiu na minha mão, ainda no ano passado foi o livro do Valmir Nunes. Valmir Nunes é um ultramaratonista brasileiro, especialista nos 100km, campeão de diversas provas famosas e que detém atualmente no Brasil e na América do Sul vários recordes de tempos em ultramaratonas.

No vídeo abaixo, você pode conhecer um pouco da história dele, de como é um exemplo e uma super inspiração. Se eu chegar aos 50 correndo um quarto do que ele corre já vou ficar feliz. 🙂

No livro ele conta como começou a correr em Santos, os desafios que enfrentou na carreira (e mesmo que a gente não seja atleta profissional, sabemos que não é nada fácil viver da corrida) e nos anos 90 não havia nenhum tipo de incentivo aos ultramaratonistas (a modalidade nem era reconhecida no país), e ele mostra que com muito talento, dedicação e força de vontade conseguiu se tornar campeão.

No livro ele também fala muito dos treinos que faz, e logo entendemos que não basta talento, tem que ser muito disciplinado. E tem muitas dicas para quem quer fazer uma ultramaratona (mesmo que seja menos de 100km, rs). Ele fala das suas conquistas, como foram as provas, as dificuldades… a história desenvolve super bem, leitura leve e gostosa, li o livro em um dia (alguém se empolgou, rs). E falando das conquistas… no vídeo abaixo ele fala sobre uma das principais: a Spartathlon, que ele venceu em 2001 (em 2003 ele ficou em segundo e em 2007 ficou em terceiro). Uma corrida de 246km entre as cidades gregas de Atenas e Esparta, que tem por objetivo traçar os passos de Fidípides, um mensageiro ateniense enviado a Esparta no ano 490 a.C. para buscar ajuda contra os persas na Batalha de Maratona.

É ou não é uma inspiração? Virei fã do Valmir, que eu não conhecia antes do livro. Recomendo muitíssimo a leitura de “Segredos de um ultramaratonista” para quem curte longas distâncias e se superar! 🙂

Avaliação:

Quando era moleque fiz uma promessa de correr de Santos a Maresias, sem nem conhecer ultradistâncias. Percebi que ser ultramaratonista é como qualquer profissão, no seu interior você nasce sabendo o que quer. Este livro é um incentivo àqueles que, como eu, perseguem um sonho. Nunca corri pensando nos problemas que enfrentei para estar ali, nem nas dificuldades passadas. O amor pela corrida, o sentimento que eu tenho por este esporte, me fizeram superar todas as dificuldades que tive durante minha carreira. Hoje percebo que eram muitas. Para mim, cada vitória era maravilhosa, mas estavam sempre no passado, pois sabia que tinha sempre que olhar para frente, para o próximo dia de treino, visando a próxima competição.

ISBN: 978-8528906134
Páginas: 200
Editora: Hemus
Autor: Valmir Nunes
Compre online: Amazon

Dia 14 de maio é um dia muito especial aqui em casa. E não, não é porque é Dia das Mães, mas porque é o meu aniversário! Hahahahaha… 😉  (Desculpa, mãe! rs)

Este ano não planejei nenhuma comemoração especial. Além de o meu aniversário cair bem no Dia das Mães, o que sempre atrapalha esses planos, o mês vai ser super corrido para mim, com diversos compromissos de trabalho e aulas do MBA.

De qualquer forma, não é porque não vou fazer uma festa de arromba que não mereço ganhar presente, né? 😛 Só para descontrair um pouco, fiz uma listinha com produtos que estou de olho – e que, de repente, valem como dica de presente para as mamães também! 😉

1- Perfume Viktor & Rolf Flowerbomb – É um dos meus perfumes favoritos da vida! Daqueles que você tem vontade de estocar em casa com medo de que saia de linha, sabe? A partir de R$ 399,00 na Época Cosméticos.

2 – Lunch box Crazy4Mugs Mickey – Com a rotina puxada, eu passei carregar não só meus lanchinhos para cima e para baixo, como algumas refeições maiores também. Essa marmita do Mickey não é apenas graciosa, como a tampa veda superbem. R$ 69,90 na Crazy4Mugs.

3 – Bolsa transversal Kipling Earthbeat S – Sou fã das bolsas da Kipling porque elas duram bastante e têm aqueles milhões de bolsinhos práticos, mesmo em modelos pequenos, como é o caso deste aqui, que tem até gancho para as chaves (amo!!). É a companhia perfeita para os momentos em que temos que levar pouca coisa. E eu ameeeei esse amarelo! R$ 559,00 na Kipling.

4 – Conjunto Pandora Stones of Color Maio – Apesar da marca ser famosa por seus charms, o que eu mais gosto na Pandora são os anéis e brincos delicados, em um estilo mais clean. Este ano, eles estão com uma coleção especial toda colorida, sendo que cada mês tem uma pedra própria. A de maio é o Cristal Verde com tonalidades em esmeralda. Coincidência ou não, é uma das minhas cores favoritas, então amei a homenagem. R$ 215,00 (brincos), R$ 215,00 (anel gota de cristal) e R$ 295 (anel pontos de luz) na Pandora.

5 – Shorts Adidas 3-Stripes – Esse shorts tem aquela modelagem esportiva clássica, só que com ainda mais estilo por conta do tecido pregueado. R$ 249,99 na Adidas.

6- Jaqueta Nike NSW Tech Fleece Cape Knit – Maio sempre começa a fazer aquele friozinho e estou precisando urgente de uma jaqueta que seja confortável e esquente, mas sem ser muito pesada. Gostei da modelagem mais moderninha dessa, especialmente com a parte de trás compridinha. E cinza não tem como errar, né? R$ 339,90 na Nike.

7 – Óculos de grau Oakley TruBridge Cloverleaf – Tive a oportunidade de testar as armações da linha TruBridge em um treino especial da Oakley e adorei! Todos os modelos vêm com quatro opções diferentes de encaixe para o nariz, para um ajuste perfeito. Pode correr, pedalar e, dizem, até fazer uns burpees com esses óculos que eles não saem do lugar. Perfeito para as corredoras míopes como eu! Esse padrão tartaruga é bem versátil e acho que fica mais suave que o preto. R$ 400,00 na Oakley.

8 – Kit Benefit Operation Pore-Proof – Um kit completíssimo com todos os produtos para pele oleosa da Benefit. Estou precisando demaissss, rs… Sem falar nas embalagens divertidas, que são um charme! R$ 187,00 na Sephora.

*Preços pesquisados em 4 de maio de 2017.