Olá mulherada!

Usa o aplicativo Spotify para ouvir músicas? Então não pode deixar de checar o nosso perfil com várias playlists sensacionais (sempre tem novidades!), eu tô sempre colocando novas playlists por lá junto com a Li e a Ju. Então não deixem de assinar!

Tá chegando o carnaval, um dos feriados mais amados deste Brasil, e muita gente aproveita pra curtir, se jogar nos blocos, nas festas e churras com os amigos, e é claro, correr! Então montamos uma playlist bem animada com tudo que está bombando nas rádios para animar seus momentos de descontração e suas corridinhas. Bora ouvir?

Se você tem o aplicativo Spotify instalado no seu celular, acesse esse link ou clique no botão: .

Bora correr?

Olá mulherada!

Em setembro contei aqui que estava participando de um desafio com a Fila, o #FilaRio21k, que consistia em treinar e correr a Meia Internacional do Rio. 🙂 E como se já não fosse legal correr uma prova que eu nunca tinha participado, a Fila ainda bolou um final de semana cheio de atividades e tornou tudo ainda mais incrível.

time-fila-aeroporto-sao-paulo-rio-de-janeiro

Galera no aeroporto. Partiu Errejota! (Foto: Ramon)

Eram 20 pessoas para participar do desafio, 10 que moravam em Sampa e 10 que moravam no Rio. Fomos todos de São Paulo juntos no mesmo voo para o Rio na sexta e chegando lá já fomos confraternizar num jantar na Pizzaria Guanabara. 😉

No dia seguinte acordamos cedo, tomamos um café da manhã caprichado e fomos treinar junto com os atletas de elite patrocinados pela Fila: Leah Jerotich, Eliya Daudisidame e Faraja Damasi.

O sol já estava bombando no Rio, e quem não era acostumado, já começou a sofrer, rs. O treino foi muito engraçado, porque os atletas de elite começaram a correr num pace de 6’30” e todo mundo achando que eles iam continuar assim, eles foram aumentando, aumentando, e deixando todo mundo pra trás, rs. No final do treino estavam correndo a 3’20” naquele calor, e por mais incrível que pareça, vestidos com agasalho! Eu suava só de olhar.

time-fila-meia-internacional-do-rio-elite-treino

Galera e os atletas de elite. (Foto: Fila)

No sábado já tinha acordado com a garganta arranhando e ao longo do dia foi piorando, como tivemos a tarde livre, eu aproveitei pra descansar. À noite o tradicional jantar de massas foi num lugar incrível, o Rooftop lounge do Pestana Rio Atlântica. 😉 Daí a galera toda do desafio se reuniu e foi incrível! 😀 Animação geral com a prova do dia seguinte.

E aí chegou o grande dia!

time-fila-meia-internacional-do-rio-largada

Time Fila: os amarelinhos! 😛 (Foto: Fila)

No domingo de manhã todo mundo colocou o uniforme e fomos bem cedinho pra largada, pois iríamos largar logo atrás da elite masculina. Ainda tivemos o privilégio de poder ficar perto dos atletas de elite na concentração. 😀

Às 8h30 foi dada a largada, o dia já estava quente, porém o sol estava até tranquilo. Largamos todos juntos na maior animação, e logo encaixei um ritmo tranquilo com a Drica e a Lu, duas queridas. <3 Fomos juntas até o Leblon, que foi quando o sol começou a castigar bastante, na altura do km 7.

Segui ainda com a Drica até o km 10, e ela continuou no ritmo que estávamos, enquanto eu aproveitei a sombrinha logo depois de Copacabana para organizar a cabeça e também o corpo, eu estava muito enjoada e o calor estava me incomodando muito. Dali pra frente eu fui num trote praticamente até o fim, andando nos postos de água pra tomar um copo e jogar outro no corpo. O termômetro chegou aos 42 graus, mas quem corre sabe que debaixo do sol, com o corpo quente, a coisa piora. Eu sofri muito fisicamente nos 11 kms finais, mas a cabeça tava focada na chegada, na medalha e na conquista. 🙂 Ainda nos últimos 2 kms eu reencontrei a Lu e fomos juntas até o final! 😀 Quando cruzamos a linha de chegada foi um alívio, eu juro que nos últimos kms eu só sonhava com uma sombrinha, rsrsrs.

time-fila-meia-internacional-do-rio-chegada

Galera animada com as medalhas! (Foto: Fila)

Confesso que eu não achei que ia sofrer com o calor não, em abril corri também uma meia no Rio, engatei uma meia em Porto Seguro, fez bastante calor nos dois lugares e foi tranquilo. Ainda corri 10 milhas mês passado em Vitória num sol escaldante. Mas na meia internacional o bicho pegou e vi que eu até aguento correr no calor, mas realmente não é minha temperatura preferida pra correr, rs.

Depois de muitas comemorações, fomos todos tomar um banho no hotel e comemorarmos a merecida medalha no Balada Mix. 😀

O fim de semana foi incrível, com muita história pra contar, mas principalmente, com muitos amigos! Obrigada Drica e Sérgio, Ramon e Lu, Denise e Benko, Giuli e Hélio, Ursula e Victor, Dani e Gui, Cris, Nanda e Dê Azulay. E um obrigada especial para a Karina, amiga, parceira que dividiu tudo comigo! Da ansiedade, treinos, provas antes e quarto de hotel!

Obrigada Fila (e todos que estão por trás <3) pelo desafio e por tudo que organizaram, foi maravilhoso. Valeu timeeeeeee! 😛

time-fila-meia-internacional-do-rio-treino

Eu e a Ka. A sincronia não é só na corrida não. 😀 Amiga que a corrida me deu pra vida.

E que venham novos desafios! 😉

1