Juliana dos Santos levou o ouro nos 5000 metros

Teve ouro, sim! 😉

Quem aqui acompanhou os Jogos Pan-Americanos 2015, no Canadá? São tantos esportes que fica até difícil dar conta de tudo, né? 😉

O Brasil levou uma delegação recorde para as provas de atletismo, com 88 atletas! Foram três vezes mais atletas que no Pan realizado no Rio em 2007. E a mulherada que representou o país nas provas de corrida mandou MUITO bem!

Logo na primeira prova de atletismo da competição, a maratona feminina (realizada em 18 de julho), já levamos uma medalha de prata! Uhu! Adriana da Silva fez os 42k em (tá preparada? Hahahaha…) 2h35min40s.

ADRIANA-JOGOS-PANAMERICANOS

Adriana da Silva conquistou a prata na maratona.

Adriana, que levou o ouro no Pan 2011, no México, bateu seu tempo anterior (2h36min37s) – mas não foi suficiente para tirar o ouro da peruana Gladys Tedeja, que cruzou a linha de chegada em 2h33min03s. Uau!

Das 17 atletas inscritas, apenas 11 completaram a prova. Além de Adriana, Marily dos Santos também representou o Brasil e ficou em quinto lugar (ela fez a prova em 2h41min31s).

Mais uma curiosidade sobre essa prova: sabia que ela foi disputada em um circuito composto por quatro voltas de 10 km (um trecho complementar na largada completou os quilometros que faltavam para os 42 km)? Agora pensa: quatro voltas no mesmo lugar em uma maratona de competição… É muito desafio para a cabeça, né? rs

Na prova feminina dos 5.000 metros, disputada em 21 de julho, fomos ainda melhor e levamos uma medalha de ouro pra casa! Quem garantiu o topo do pódio para o Brasil foi a minha xará Juliana dos Santos, que completou a prova em 15min45s97.

Juliana dos Santos nos 5000 metros - Pan 2015

Juliana dos Santos arrasando nos 5.000 metros

Só uma observação: eu tô aqui me matando para fazer 5k em menos de 30 minutos e ela leva METADE desse tempo! Hahahhaha…

A Juliana levou o ouro no Pan 2007 nos 1.500 metros, mas não participou do Pan em 2011 porque seu primeiro filho tinha acabado de nascer (ela é casada com o maratonista Marílson dos Santos) – então imaginem como ela estava com “sangue nos olhos” em Toronto. Hahahaha… 😉 A prova foi super emocionante, com direito a uma arrancada nos últimos 600 metros que deixou todas as outras atletas para trás!

Flavia-Maria-de-Lima-bronze-800metros

Flávia Maria de Lima com a sua medalha.

Para fechar o quadro de medalhas, mais uma atleta brasileira subiu ao pódio em uma prova de corrida: Flávia Maria de Lima conquistou o bronze nos 800 metros, completando a prova em 2min0s40. Esse foi o melhor tempo da sua carreira (anteriormente, o recorde pessoal de Flávia era de 2min0s81).

Agora, ela quer treinar para fazer a prova em menos de dois minutos para bater o recorde brasileiro, que é de Luciana de Paula Mendes: 1min58s27. :O Incrível, né?

Inspiração pura essa mulherada! <3

Claro que estamos falando aqui de atletas de elite, simplesmente as melhores do Brasil, então nem dá para comparar os tempos que elas fazem com os nossos, “meras mortais”, hahahaha… Mas que dá um gás para treinar, não tem como negar! 😉

  1. Marcela de Vasconcellos disse:

    Dá aquela depressãozinha que move a gente, né?
    Eu aqui, também tentando baixar de 30 e ela lá, fazendo em 15. Mas a corrida me ensinou muito a ser feliz pela colega que tá voando lá na frente e a me inspirar nela, então: VAMO QUE VAMO, MULHERADA!!

    • Ju Vargas Ju Vargas disse:

      Sim, Marcela, com certeza! Tem que focar em vencer nossos próprios tempos, e só! Sermos a nossa melhor versão 🙂 Vamos que vamoooos!!! 😀

Deixe o seu comentário!