Uma das coisas que eu mais gosto de treinar na Bio Ritmo é que eles estão sempre inovando para manter os alunos motivados. Além das aulas que compõem a grade básica da academia, como pilates, step, yoga, boxe, spinning etc., tem algumas modalidades itinerantes que “viajam” de uma unidade para a outra.

Como sou supercuriosa pra essas coisas, sempre tento participar quando tem alguma aula diferente na minha unidade. E uma aula que eu morria de vontade de fazer, mas nunca conseguia, era a de Bio ViPR. Tudo isso porque eu estava doida para treinar com a “bazuca”, apelido carinhoso que os alunos dão para o ViPR, o acessório que batiza a aula.

E esse é o ViPR!

E esse é o ViPR!

A aula de Bio ViPR foi lançada em agosto de 2015 e passou várias vezes na minha unidade deste então, mas só recentemente consegui encaixar meus horários para participar. E olha, valeu a pena!

No vídeo abaixo, tem uma amostra. 😉

Para quem está se perguntando, o ViPR é feito com borracha densa. Vendo o vídeo, até parece fácil manusear a “bazuca”, né? Mas então vamos ao fatos, rs… Cada cor indica o peso do acessório, que vai de 4 a 12 quilos. Eu fiz a aula com 6 quilos e fiquei conversando com os músculos dos meus braços por uns dois dias… 😛

O treino é curto (30 minutos) e intenso. Trabalha força, estabilidade, potência e flexibilidade, e ainda ajuda a ganhar resistência e coordenação motora. São duas séries de exercícios com intervalos bem curtos entre eles — só o tempo de mudar o ViPR de posição. E dá para queimar até 500 calorias nessa brincadeira!


Segundo o diretor técnico da Bio Ritmo, Saturno de Souza, o objetivo do Bio ViPR é realizar movimentos integrados com carga e exercícios voltados para trabalhar o core (os músculos na região do abdômen e da lombar). “Os músculos do core, quando fortalecidos e acionados de forma correta, dão suporte para a coluna e quadris, evitando o estresse nessa região, definem o abdômen e modelam a cintura, além de auxiliarem na correção postural”, explica.

Nem precisamos falar como é importante fortalecer essa região para quem corre, certo? 😉

Eu adoro treinos curtinhos e com movimentos funcionais, então nem preciso dizer que amei a aula. Já estou ansiosa para saber quando terá na Paulista de novo!

post_parceiros_BR_2015

Deixe o seu comentário!