No meio do ano, participei do evento do retorno ao mercado brasileiro da Saucony. A marca trouxe sete modelos, abrangendo três categorias: amortecimento, estabilidade e competição. No dia, recebi o modelo Ride 9 que está na categoria amortecimento e fiquei bastante curiosa para testar, pois só conhecia a marca de nome, nunca tinha experimentado nenhum modelo.

 

Beleza e Design

Logo que abri a caixa do tênis, ele me surpreendeu, achei a composição de cores muito bonita. E mesmo as outras cores eu achei que combinaram e me agradaram bastante também.

Ele tem uma cara de mais estruturado, cara de tênis mais pesadão, mas é só cara mesmo.

Foto Saucony Ride 9

Cores do Ride 9 (Foto: Divulgação/Saucony)

Conforto e Amortecimento

O tênis é um modelo intermediário, ou seja, ideal para médias e longas distâncias. Na primeira vez que usei o Ride 9, achei ele mais firme em relação a outros modelos que estou acostumada a usar. Conforme fui usando mais, essa sensação foi desaparecendo.

O pé fica bem confortável dentro do tênis com um bom espaço para movimentação. Tanto na lingueta quanto no colar do tênis tem bastante enchimento e o material é bem macio, deixando ainda mais confortável.

Peso e Pisada

O Saucony Ride 9 é indicado para corredores de pisada neutra ou supinada e tem 8mm de drop. O peso dele é em média 227g/feminino e 264g/masculino.

Tecnologias

Everun: Proporciona uma corrida dinâmica e resistente, enquanto oferece amortecimento por todo o processo. Com alta duração e propriedades de retorno de energia otimizadas.

Flexfilm: Material leve, porém forte, que permite menos camadas no cabedal para uma sensação uniforme e flexível.

Tri-Flex: Sola que trabalha em conjunto com o EVERUN Topsole, para maior dispersão de força sobre uma maior superfície, enquanto entrega flexibilidade e tração ideais.

Custo X Benefício

O modelo é confortável e durável, tanto na sola quanto no cabedal não percebi ainda sinais de desgaste.

Quando a Saucony aterrissou no Brasil, o modelo custava R$ 599,00, preço que achava bem acima dos concorrentes. Agora no final do ano, está pintando a nova versão do modelo, então já é possível achá-lo por R$ 499,90, preço que não é ainda barato, mas mais adequado se comparado os modelos similares de outras marcas.

Opinião Geral

Apesar de um primeiro momento achar o tênis mais firme, conforme fui usando essa impressão foi desaparecendo e foi tornando mais gostoso de usar. É um tênis bem confortável e que se encaixou tanto nos treinos mais curtos do dia a dia, quanto nos mais longos.

De uma maneira geral, o modelo entrega o que promete e estou variando o uso com outras marcas principalmente nos meus longões.

Compre online: Centauro | Netshoes | Saucony

A Max Titanium é uma marca nacional de suplementos nutricionais e alimentares, parte do Supley Laboratório. Tem quem diga que os suplementos nacionais, em especial o whey, não é tão bom como os importados, mas desde 2006 a Max Titanium vem ganhando prêmios pela qualidade dos seus produtos.

Um dos suplmentos mais premaidos da Max é o Top Whey 3W, que já foi eleito 3 vezes a melhor proteína nacional pela revista Suplementação, uma das principais publicações desse segmento no Brasil, e também venceu três vezes o Prêmio Corpo Ideal.

Recebemos o produto para testar e hoje contamos para vocês o que achamos dele! 😀

O Top Whey 3W vem em quatro sabores diferentes.

O Top Whey 3W tem esse nome por é feito à base de três tipos diferentes de proteínas: Whey Protein Concentrada (WPC), Whey Protein Hidrolisada (WPH) e Whey Protein Isolada (WPI). Quando praticamos exercícios físicos, as proteínas são responsáveis pela construção dps músculos e reparação de pequenos traumas. Por isso, elas são tão importantes para quem quer ganhar massa muscular e tonificar o corpo. Nem sempre a suplementação é necessária (isso depende do tipo de exercício que você faz, frequência, intensidade, como se alimenta…), mas a falta dela também pode compromoter o resultado dos seus treinos – não deixe de consultar um nutricionista ou médico especialista em nutrição e esporte para avaliar qual é a sua necessidade e qual o melhor momento para consumir a proteína, ok? 😉

O Top Whey 3W, além de fornecer proteínas extras para auxiliar na recuperação muscular pós-treino e na formação de massa musucular, também tem alto teor de vitaminas, minerais e BCAA (saiba o que é BCAA).

São quatro opções de sabor: Baunilha, Chocolate, Morango e Vitamina de Frutas. Apesar das diferenças nos ingredientes entre um e outro, todos têm 31g de proteína e 5,4g de BCAA por porção do produto (40g). A média de calorias é de 167 kcal.

O sabor que eu mais gostei foi o de Morango, por incrível que pareça, hahahahaha… Sou meio chata com sabores doces, mas esse de morango achei na medida, me lembrou aquele sabor de infância, sabe? 😀 

Outra coisa que curti bastante nesse produto é que ele dilui com muita facilidade. Usei tanto com shakeira a pilha como na manual (com aquela molinha) e não precisei chacoalhar muito para ter o whey sem nenhuma pelotinha. Isso, para mim, é um grande diferencial!

Achei essa opção de sachês individuais com a quantidade exata para uma porção (40g) superprática, especialmente para quem treina depois do trabalho e fica o dia todo carregando o suplemento na bolsa, como é o meu caso.

Os sachês são vendidos por unidade (na faixa de 10 reais) ou em caixas com 15 pacotes do mesmo sabor. Além disso, também é possível encontrar o Top Whey 3W em potes de 900 gramas e o pacote refil de 1,8 kg.

Onde comprar: Centauro | Drograria Araújo | Extra | Netshoes

E você, já provou esse produto? O que achou? Divida suas impressões com a gente nos comentários!