Blog escrito por amigas que correm. Pouco, muito, devagar, rápido. Não importa como, quando e onde, o importante é correr.

18/04

2015

No Corrida da Leitora de hoje, trazemos a história da Meyre Alvarenga, que tem 36 anos, formada em pedagogia, psicologia, e arte terapia. A Meyre trabalha é coordenadora de projetos e trabalha com entretenimento infantil.

***

meyre-alvarenga

Sempre fui gordinha e sedentária, mas em 2012 após passar por uma perda e consequentemente entrar em depressão, cheguei aos 104kgs… Eu tenho 1,58 de altura!

Em 2014, iniciei a dieta Dukan e com ela fui aprendendo a me alimentar de uma forma saudável e comecei a eliminar o excesso de peso. Iniciei com a caminhada e algumas atividades físicas, mas o meu sonho mesmo era correr. Mas como seria possível se eu, por conta do peso, tinha dores terríveis nos joelhos a ponto de andar com tensor?

Finalmente após perder 25kgs arrisquei “trotar”no parque em que fazia caminhada, me lembro como se fosse hoje a sensação que tive ao conseguir correr 1km, era como se houvesse ganho a São Silvestre!

Conforme os quilos foram eliminados – (no total foram 41kgs) – entrei em uma academia e intensifiquei as minhas corridas.

Cada quilômetro alcançado era comemorado com muito choro e muita alegria também!

Eu entrava na fan page do Corre Mulherada e olhava emocionada para as fotos de mulheres que participavam de provas, de meia maratonas e maratonas e me senti motivada demais.

Até que me arrisquei e em outubro de 2014 me inscrevi em uma prova de rua, a “Corrida pela criança”, eram 5k, mas eu queria sentir o que era correr nas ruas de São Paulo, sentir aquela energia, ter aquele brilho no olhar que vemos em quem corre. Foi um dos dias mais lindos da minha vida! Estar naquele meio me contagiou, e finalmente entendi porque quem corre é tão apaixonado… Porque foi ali que me apaixonei de vez!

De lá pra cá participei da Corrida Mulheres em movimento pelo McDonalds, Rolling Stone Music e Run, realizei meu sonho de correr a São Silvestre e no dia 01/03 eu completei minha primeira meia maratona!

IMG-20150201-WA0040A corrida me trouxe algo que jamais experimentei, a experiência de superar os meus limites, me trouxe tranquilidade, detonou a minha ansiedade e automaticamente minha compulsão alimentar, além de me deixar mais feliz.

Treino de 3 a 4 vezes por semana, fora os treinos na academia para fortalecimento e fico aborrecida as vezes por ter que fazer “day off”, fico pensando o quanto seria bom dar “uma corridinha de leve no parque”. rs

Antes era uma pessoa que dormia tarde, muitas vezes varava a madrugada, hoje durmo cedo para estar disposta a correr bem cedinho,f aça chuva ou faça Sol.

Planejo minha rotina em função de poder fazer aquilo que amo, que é correr, afinal, a corrida trouxe para minha vida tudo aquilo que tem me feito mais feliz: a alegria de transpor meus limites, ver o meu corpo se transformando naquilo que sempre sonhei, e me deu amigos para correr comigo e compartilhar minhas vitórias!

Um beijo no coração de cada uma de vocês que fazem o Corre Mulherada, de verdade vocês não tem ideia o quanto me contagiam!!!

A Corrida da Leitora é um espaço para compartilhar histórias, conquistas, superações, dicas e muito mais! Quer participar? Preencha o formulário e entraremos em contato.

Equipe Corre Mulherada

Beijos,

Equipe Corre Mulherada

17/04

2015

A última quarta-feira (15/04) foi um dia agitado e cheio de surpresas. A convite da Nike, fui representando toda a #equipeCM ao Rio de Janeiro para uma experiência incrível!

Evento_Nike_Free_2015

Juntamente com uma equipe fera de jornalistas, cheguei ao Errejota com uma programação em mãos, mas não imaginava as surpresas que viriam pela frente. Começando pelo almoço no restaurante Bazzar, em Ipanema. Quem me conhece, sabe que sou boa de garfo e aproveitei a comidinha delícia até a minha alma #gordasafada ficar satisfeita. hahahaha

Evento_Nike_Rio1

Habemus três sobremesas! ♥

Mas foi só o começo, terminado o almoço seguimos rumo à loja da Nike em Ipanema.

* Uma pequena nota: acho a loja de “Ipa”, linda. Fui uma única vez em um treino NRC (Nike Run Club) e achei muito massa, fora que fiquei doooida pela camiseta do clube daquela época. Quando a coisa é bonita eu babo ovo meixxxmo!

Evento_Nike_Rio2

Look Completo!

Chegando lá, recebemos uma caixa de acrílico transparente (é lógico que trouxe para SP!) com um look completo dentro. Bati o olho e vi uma das estrelas do dia, o novo Nike Free 4.0 Flyknit. Gosto muito do design desse tênis e a marca caprichou na versão 2015 dele. Confesso que meu primeiro pensamento foi combiná-lo com vários looks casuais. #aloca #éinevitável

Devidamente vestidas, fomos para uma sala reservada onde tivemos um workshop com nada mais, nada menos, a bailarina e coreógrafa Deborah Colker! Ela falou um pouco sobre os movimentos naturais do ser humano com foco nos pés. Saca a musiquinha “meu pé, meu querido pé, que me aguenta o dia inteiro”? Por aí. São nossos pés que nos carregam e muitas vezes o ignoramos, ou não paramos para senti-los.

Deborah_Colker_Nike_Free

Deborah Colker – foto do celular – infelizmente as fotos da cam. não saíram boas :(

Deborah ensinou alguns movimentos naturais, que primeiramente fizemos descalços e depois calçados com o Nike Free, já que a principal idéia dessa linha é deixar o corpo performar livremente e trazer a sensação  “pé no chão”, como se estivéssemos correndo descalços.

Nike_Free_2015

As estrelas do dia! Da esq. para direita – Free 4.0 Flyknit, Free 3.0 Flyknit (na frente) e Free 5.0.

Confesso que sou do time “amortecimento” e pensei que fosse estranhar um pouco todo o minimalismo do Free. Mas a Nike, pensando neste tipo de usuário, desenvolveu três modelos: Free 3.0 Flyknit,  Free 4.0 Flyknit e Free 5.0, cujo amortecimento & flexibilidade, são definidos por modelo: quanto menor o número, maior a sensação de Flexibilidade e Pisada Natural.

Evento_Nike Free 2015

Infográfico explicando um pouco sobre a relação amortecimento x flexibilidade entre os modelos.

O dia ainda estava na metade, quando fomos apresentados à velocista brasileira e atleta olímpica, Tamiris de Liz. Querida e super atenciosa, Tamiris me contou que treina de segunda a sábado e tem o maior cuidado com a alimentação, mas se permite a sair da dieta pelo menos 1 vez por mês. Minha maior curiosidade era se ela também fazia treinos um pouco mais longos, o que é fora da “área” dela. Ela disse que sim – claro, que não como os de corredores de longas distâncias-, mas em forma de Fartlek.

Nike_Free_Tamiris_de_Liz

Tietando a velocista Tamiris de Liz

Já não bastasse essas duas pessoas incríveis que conhecemos, também tivemos o prazer de sermos apresentados à triatleta Fernanda Keller e a top Izabel Gourlat (ôôô, mulher LINDA!), que iriam treinar mais tarde com a gente. A Iza (praticamente me sentindo a bff dela hahahah), está a pouco tempo na corrida e já tem pretensão de correr seus primeiros 10k.

Iza Gourlat_Fernanda Keller_Nike

Fernanda Keller e Iza (cabelo dyvo) Gourlat

Mesmo com agenda super apertada e viajando muito, ela contou que treina direitinho e faz diversos ajustes para não “matar treino”. Disciplinada, focada e com o treinamento de Fernanda Keller ! Alguém aqui ainda tem dúvida que ela chegará rapidinho aos 21k?

Izabel Goulart_Fernanda Keller_Tamiris de Liz_Nike

O trio maravilha: Tamiriz de Liz, Iza Gourlat e Fernanda Keller

Falando em corrida…

#CorraFree Nike

Eu no Momento Preparação | Foto Crédito: Nike Corre

Descemos e os encontramos com a galera irada do NRC e  pacers da Nike. Eu reencontrei meninas queridas do último treinão (alô Ju, Jade e Rapha) e conheci pessoas (alô Rosana e Victor, aka Corrida Urbana) que até então, só virtualmente (A-MO desvirtualizar! ♥) e fomos rumo à Urca, este lugar horríviiiiii da foto, para o treino 2 em 1.

NRC Rio Urca1

Lugar horríííviiii! | Foto Crédito: Nike Corre

A corrida foi na Pista Cláudio Coutinho, que fica ao lado do morro do Pão de Açúcar e em frente à praia Vermelha.
Resumindo: local dos sonhos! Por favor Deus, me deixe correr todos os dias neste lugar!

Foi um treino de corrida + funcional e educativos com tiros na areia. Se morry de uma morte boa? Imaginaaaaa! Legal que pude ter uma degustação do Free 4.0 e neste primeiro momento, não decepcionou. Achei uma delícia no pé! Será que passarei a ser do Team Pé no Chão? Vou testá-lo beeeeem mais para resenhá-lo aqui no blog. ;)

NRC Rio Urca2

Eu [tentando] dar tiro na areia | Foto Crédito: Nike Corre

** Uma pequena nota [2]: o que mais gosto nos treinos do Run Club da Nike é que ninguém fica para trás. Com este, participei ao todo de 5 treinos. Estou voltando aos poucos (pra quem não sabe, fraturei o cóccix) e devido à minha lenta recuperação, meu desempenho está regular. É frustrante e me sinto um cocô correndo (imaginem um cocô correndo, se é possível ahah) e ando sentindo um pouco de dificuldade (mesmo no pace 7′), o que me força a reduzir. Nessas duas vezes fui acompanhada e tive ajuda (psicológica e dicas de respiração, que anda pesada) por um pacer da Nike.

Não estou “puxando o saco” porque participei como convidada, poderia muito bem somente relatar o treino e pronto! Mas faço questão de contar e aplaudir esse trabalho sensacional que eles fazem. É fundamental para que a pessoa não desanime. Então, se você não se inscreve por receio, não tenha mais, pois você receberá todo o suporte da equipe NRC. ;)

NRC Rio Urca3

Energia carioca booooa!

 

NRC_Rio_Urca

Uma parte do pós Treino

 

Iza gourlat_Nike

Eu acabadinha do lado da Iza Gourlat. Ooooo mulher linda e simpática, viu!?

Depois de tudo isso, ainda fomos jantar no restaurante Balada Mix! Correr pra comer #quemnunca?

E daí que dona Japão, essa pobre mortal que vos fala, foi “descansar” no Fasano. Eike ruim, eike sofrimento! hahahahahah

Lançamento_Nike_Free_2015-1

Look completo e cartinha da Tamiris de Liz ♥

 

Lançamento_Nike_Free_2015-2

#CorraFree

 

Lançamento_Nike_Free_2015-3

NRC ♥ #soudessas que tiram 1726341 dentro do hotel

Encerro post agradecendo à equipe da Nike por tudo. Desde o momento que cheguei ao Rio, até a hora do “tchau!” me senti acolhida e mimada. Toda a experiência que vivi, foi especial e reforçou toda a excelência no trabalho incrível que estão desenvolvendo, seja através dos produtos (que matou meu antigo preconceito), seja através desse clube de corrida fo-da que motiva e acolhe como se te conhecessem a muito tempo. ♥

Fasano_Corre

Sabe a vida? Ela é SENSA! ♥

 

 

Erica Imanishi

Beijos,

Erica

Sdds, correr no Rio!

16/04

2015

Divulgação Eu Amo Correr / Foto de Amanda Amaral

Que tal uma pausa nos treinos para a leitura? E se essa leitura for cheia de inspiração para você ir ainda mais longe na corrida? Melhor ainda, né? ;)

O livro Eu Amo Correr traz 50 histórias reais de pessoas muito diferentes entre si, mas com algo em comum: a paixão pela corrida! A diagramação é bem leve, com fotos grandes e textos que trazem um pouco da experiência dos mais variados tipos de corredores. Pessoas com diferentes estilos e origens, de norte a sul do Brasil, que, quando deram por si, já estavam correndo.

Entre os motivos para começar a correr, estão a vontade de emagrecer, indicação médica, um pé na bunda daqueles, a necessidade de economizar com transporte, tédio… Também tem corrida para todos os gostos: sozinho, com o cachorro, em grupo, de revezamento; na rua, na praia, na grama, na esteira e muito mais. Com certeza, você vai se identificar com pelo menos uma dessas histórias! :D

livro-euamocorrer2  livro-euamocorrer3
livro-euamocorrer4livro-euamocorrer1
Um pouquinho da mulherada que compartilha suas histórias no livro (Imagens: Banca do Bem)

O livro ainda traz dicas para quem quer começar a correr, além de listar os benefícios para o corpo e para a mente obtidos com a prática desse esporte tão maravilhoso. <3

É daqueles livros para ler aos pouquinhos, uma história por vez, saboreando… Também acho que é uma excelente opção de presente para incentivar alguém especial que está começando seus primeiros passos na corrida. E a leitura é uma boa ação: parte da renda com as vendas (9%) é revertida para os projetos Ginga Social e Instituto Mara Gabrilli, ambos ligados ao esporte. :)

Eu ganhei o meu exemplar da Adidas, patrocinadora do projeto, e adorei! Para dar aquele gás e deixar a estante de casa ainda mais bonita!

livro eu amo correr

Uns correm pra não perder a hora, outros pelo prazer de suar a camisa. Tem quem corra pra ir ao trabalho e quem seja profissional da corrida. E há também os que apenas planejam começar a praticar esse esporte.

Seja qual for o seu perfil, no livro Eu Amo Correr você vai se identificar e se inspirar com as histórias de 50 brasileiros que compartilham o amor pelas passadas velozes.

ISBN: 978-85-66566-02-4
Páginas: 100
Editora: MOL
Organizadora: Roberta Faria
Preço sugerido: R$ 39,00
Compre online: Saraiva | Americanas | Cultura

Ju Vargas

Beijos,

Ju Vargas

Página 1 de 16812...102030...Última »